do coração

“Mas todo coração é um deserto e um palácio; um imenso labirinto onde há e não há paredes, onde nunca estamos sós e não há ninguém. Estar em um coração é nunca saber se o alcançamos. Desejá-lo é já estar perdido. Abandonar-se, o que nos resta.”